Seu Navegador não tem suporte a esse JavaScript!
 
Data: 04/12/2017 Hora: 00:00:00
Palestra da campanha 'Novembro Azul' lota as dependências da Câmara Municipal
Webline Sistemas

Secretária da Saúde Zilda enalteceu o trabalho da equipe do setor, que conseguiu mobilizar os homens para o evento

 

AsCom

PM Pedrinhas Pta

 

Um dos grandes obstáculos na luta do homem contra o câncer de próstata é a resistência que as pessoas deste sexo têm em procurar informações e tratamento da doença. Tendo isso em vista a equipe da Secretaria Municipal da Saúde de Pedrinhas Paulista fez uma grande mobilização para mobilizar os homens pedrinhenses.

E o resultado surpreendeu positivamente: na noite de 24 de novembro o plenário da Câmara Municipal ficou completamente lotado de homens que acompanharam atentamente a palestra do dr. Juliano Amaral, que abordou não só a prevenção do câncer de próstata (foco do Novembro Azul), mas também a disfunção sexual.

O prefeito Sergio Fornasier (DEM) e o vice-prefeito Toninho Vallone marcaram presença e parabenizaram a secretária Zilda Nascimento Cimonetti e a equipe da Secretaria Municipal da Saúde pelo sucesso do evento, que trouxe valiosas informações e serviu para quebrar muitos tabus sobre os assuntos abordados. Ao final, foi servido um café colonial.

De acordo com o palestrante, dados apontam que um em cada 6 homens é alvo da doença e 9 em cada 10 homens diagnosticados tem mais de 55 anos. No Brasil, esse é o segundo tipo de câncer mais comum entre os homens e tem como agravo a não manifestação de sintomas até que a doença esteja em estágios avançados, resultando em chances de cura reduzidas. Por outro lado, a detecção precoce aumenta as chances de cura para 90%. Isso mostra que o diferencial no prognóstico dessa, e de tantas outras patologias, é o estágio da doença no momento em que o diagnóstico é realizado.

O exame médico de prevenção deve ser realizado anualmente por todos os homens com idades a partir de 50 anos (ou 45, se houver casos de câncer de próstata na família). É um procedimento rápido e consiste em exame de PSA e no toque retal para verificação de alteração no tecido da próstata. Caso a alteração seja detectada, o médico pode solicitar exames laboratoriais para confirmar o diagnóstico e iniciar o tratamento.

 

 

 

 

Enviar esta notícia para um amigo

Reportar erro

Data: 04-12-2017 00:00:00